Comitê Municipal de Enfrentamento à Pandemia do Coronavírus em Itupeva avalia condições sobre possível manutenção do ensino remoto até o final do ano letivo - Itupeva Agora

Agora

domingo, 30 de agosto de 2020

Comitê Municipal de Enfrentamento à Pandemia do Coronavírus em Itupeva avalia condições sobre possível manutenção do ensino remoto até o final do ano letivo










Os membros do Comitê Municipal de Enfrentamento à Pandemia do Coronavírus da Prefeitura de Itupeva se reuniram nesta sexta-feira, 28 de agosto, para avaliarem as ações da Educação.

A Secretaria Municipal de Educação, desde o início da suspensão das aulas presenciais, elaborou diversos programas para amenizar os impactos da pandemia, como, por exemplo, o Programa Educação Domiciliar, implantado em abril, disponibilizando para todos os alunos da Rede Municipal, atividades pedagógicas elaboradas pelos professores, impressas e entregues a todas as famílias. Além disso, todas as unidades escolares utilizam de tecnologia de informação e redes sociais para promoverem a interação entre escola, família, professores e alunos.








Um outro programa que vem atendendo a todos os estudantes da Rede Municipal de Ensino é a entrega mensal do Kit de Alimentação Escolar Emergencial, que visa o atendimento no reforço alimentar dos alunos.

A Prefeitura de Itupeva, desde o início da pandemia, instituiu um grupo técnico de trabalho, realizou pesquisa junto aos pais e responsáveis sobre o retorno das aulas presenciais e obteve como resultado, que 89% não querem o retorno das aulas presenciais em 2020.

Além disso, a Secretaria Municipal de Educação, por meio do Grupo Técnico de Trabalho organizou reuniões com os Conselhos de Educação e de Alimentação Escolar, para junto ao Comitê Municipal de Enfrentamento à Pandemia, apresentar um relatório detalhado sobre o atual cenário municipal, as orientações contidas no Plano São Paulo, além de estudos elaborados por um grupo de trabalho regional, formado por técnicos de Educação de todos os municípios que compõem o Aglomerado Urbano de Jundiaí (Itupeva, Jundiaí, Jarinu, Louveira, Cabreúva, Várzea Paulista e Campo Limpo Paulista).








“A Unidade Regional abriga aproximadamente 805 mil habitantes, com aproximadamente 90 mil estudantes matriculados nas escolas municipais, com idade entre 0 e 10 anos, além de adultos na modalidade de Educação Jovens e Adultos (EJA)”, explicou o secretário de Educação de Itupeva, Fábio José de Andrade.

As prefeituras das cidades que compõem a Aglomeração Urbana de Jundiaí organizaram um grupo de trabalho formado por secretários e gestores da Educação, com o objetivo de apresentarem e discutirem juntos as questões relativas ao sistema educacional em seus respectivos municípios. “Reitera-se que, qualquer possibilidade de retorno às aulas presenciais está condicionado à garantia da saúde dos alunos e dos profissionais da Educação, ao desenvolvimento de protocolos sanitários e de saúde extremamente rigorosos e seguros, para que as escolas não se tornem ambientes de contaminação pelo novo Coronavírus. Por isso, há uma tendência na manutenção da oferta do ensino remoto até o final do ano letivo”, comentou Fábio José de Andrade, enfatizando o principal objetivo do grupo de trabalho regional. “Trata-se de uma região de ampla acessibilidade com as regiões vizinhas, em especial na área da saúde, educação, comércio, da indústria e do trabalho. Sendo assim, há a necessidade de um protocolo unificado para o enfrentamento de problemas comuns aos municípios causados pela pandemia”, finalizou.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad