Rússia anuncia sucesso em testes em humanos e quer começar a distribuir vacina contra o coronavírus em agosto - Itupeva Agora

Agora

segunda-feira, 13 de julho de 2020

Rússia anuncia sucesso em testes em humanos e quer começar a distribuir vacina contra o coronavírus em agosto





A Rússia anunciou, nesta segunda-feira (13), que concluiu parte dos testes clínicos necessários para comprovar a eficácia da imunização da vacina contra coronavírus desenvolvida por iniciativa do governo. Segundo o diretor da instituição do Centro Nacional de Pesquisa para Epidemiologia e Microbiologia Gamalei — onde a vacina foi desenvolvida — a previsão é que ela entre em circulação civil entre os dias 12 e 24 de agosto.




"A pesquisa foi concluída e provou que a vacina é segura. Os voluntários [dos ensaios clínicos] receberão alta nos dias 15 e 20 de julho", afirmou Smolyarchuk nesta segunda-feira (13) para a agência de notícias estatal TASS. No entanto, esses participantes ainda devem permanecer sob supervisão médica, em regime ambulatorial, mesmo após a alta. A ideia é acompanhar se irão apresentar algum efeito colateral a partir do uso da vacina.

Essa distribuição será equivalente a um teste de fase 3, já que as pessoas que receberem a vacina ficarão sob supervisão, informou a agência de notícias RIA. Os testes de fase 1 e fase 2 normalmente verificam a segurança de um remédio antes de este avançar para a fase 3, que testa sua eficácia em um grupo maior de voluntários.

A Rússia é um dos países mais afetados pela pandemia de coronavírus no mundo. O país só fica atrás de Estados Unidos, Brasil e Índia, de acordo com informações da Universidade Johns Hopkins. A Rússia possui 733.699 infectados e contabiliza 11439 mortes pela doença.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícias relacionadas