Macaco alcoólatra que matou homem e feriu 250 após crise por falta de bebida é preso em cela - Itupeva Agora

Agora

segunda-feira, 22 de junho de 2020

Macaco alcoólatra que matou homem e feriu 250 após crise por falta de bebida é preso em cela









Um macaco alcoólatra que aterrorizou uma comunidade na Índia ao morder mais de 250 pessoas em um tumulto depois que o seu estoque de bebidas acabou, está condenado a ficar trancado em um zoológico por toda a vida.

O animal dependente de álcool, conhecido como Kalua, era considerado um animal de estimação de um ocultista que o fez beber bebidas por muitos anos.








Mas, quando o proprietário morreu, o macaco entrou em abstinência, levando-o a procurar bebidas nas ruas e agir de maneira furiosa causando tumulto

Autoridades contam que dezenas de crianças foram deixadas com marcas no rosto e precisando de cirurgia depois que Kalua os machucou com suas presas.

A mídia local também informou que uma das 250 vítimas morreu mais tarde.

Felizmente, o macaco de seis anos acabou sendo capturado e levado ao zoológico de Kanpur, onde se descobriu que ele não apenas era alcoólatra, mas também se recusava a comer vegetais.








Os especialistas que examinaram o macaco também acreditam que o proprietário anterior alimentou Kalua com uma dieta rigorosa, apenas com carne, que pode ter explicado o motivo pelo qual ele atacou tão violentamente.

Depois de atacar as tratadoras, foi decidido que Kalua ficaria trancado em uma gaiola dentro do zoológico pelo resto da vida.

O médico do zoológico Mohd Nasir disse: “Nós o mantivemos isolado por alguns meses e depois o transferimos para uma gaiola separada.

“Não houve mudanças em seu comportamento e ele permanece tão agressivo quanto era. Faz três anos que ele foi trazido para cá, mas agora foi decidido que ele permanecerá em cativeiro a vida toda. ”

Nasir acrescentou que, se Kalua fosse libertado, ele prejudicaria as pessoas aonde quer que fosse.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad