Jundiaí é 8ª no Brasil em saneamento, segundo ranking da ABES - Itupeva Agora

Agora

terça-feira, 9 de junho de 2020

Jundiaí é 8ª no Brasil em saneamento, segundo ranking da ABES





Pelo quarto ano consecutivo, Jundiaí está entre os dez melhores municípios – considerando cidades com mais de 300 habitantes – em saneamento de acordo com o ranking “Universalização do Saneamento”, promovido pela Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (ABES). 

A cidade subiu uma posição em relação à 2019: este ano, ocupa o oitavo lugar no Brasil e o quinto no Estado de São Paulo. Jundiaí está entre os 10 melhores municípios em saneamento “Jundiaí tem boas condições de saneamento, justamente, por conta da constância das iniciativas que fizeram a cidade chegar a esse patamar. A ascendência no ranking evidencia que conduzimos os serviços com a devida seriedade”, avalia o prefeito Luiz Fernando Machado. Jundiaí se encontra na primeira categoria, chamada “Rumo à Universalização”, com dados como 99,07% de abastecimento e 98,23% de coleta de esgoto, com 100% de esgoto tratado. 

O estudo considera informações do SNIS (Sistema Nacional de Informações de Saneamento) relativas ao ano de 2018, tais como abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto e existência de um Plano de Saneamento.


Com este objetivo, a DAE deu início em 2020 à elaboração dos projetos executivos de extensão de interceptor, rede coletora de esgoto, redes de distribuição de água e adutoras no município. 

Bairros e ruas públicas que ainda não contam com redes de água e esgoto, no presente momento, integrarão o levantamento. Entre eles, estão as regiões dos bairros Champirra e Mato Dentro, onde a DAE já começou as obras de implantação 16 quilômetros de emissários, além do projeto executivo de 23 quilômetros de redes coletoras. 

Redes de água e adutoras também serão executadas. Boas posições A edição 2020 do ranking reúne 1857 municípios, representando cerca de 70% da população do país. Jundiaí é destaque desde o primeiro ranking da ABES. Em 2017, a cidade integrou o seleto grupo de 14 municípios enquadrados na categoria “Rumo à Universalização”, motivo de um prêmio entregue pela Associação à empresa. 

 Em 2018, ficou entre as dez primeiras do País e em sétimo lugar no Estado de São Paulo, considerando o recorte de municípios com mais de 300 mil habitantes. Em 2019, ficou em nono no Brasil e em sexto, no Estado, também entre as cidades do mesmo porte. (Fonte/Imagem: Prefeitura de Jundiaí)



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad