Bolsonaro pretende privatizar presídios e fazer presos trabalharem - Itupeva Agora

Agora

quarta-feira, 29 de julho de 2020

Bolsonaro pretende privatizar presídios e fazer presos trabalharem





Um projeto do presidente Jair Bolsonaro pretende privatizar alguns presídios do Brasil. Os detentos iriam trabalhar para reduzirem suas penas e com o salário, pagariam por seus custos. Em entrevista ao portal Uol, a secretária especial do Programa de Parcerias de Investimentos (PP) do Ministério da Economia, Martha Seillier, falou sobre a iniciativa e explicou que o modelo seria realizado por meio de parceria público privada (PPP). Com isso, o setor privado poderia explorar a unidade prisional por um período de 35 anos.




Ao veículo, a secretária também apontou que o incentivo para os presos trabalharem é que, além do salário, eles reduzam o tempo de suas penas. Parte do salário também irá ajudar a manter o sistema.

– O trabalho é uma opção, mas o presidiário tem dois grandes incentivos para optar pelo trabalho. O primeiro é que reduz a pena. A cada três dias trabalhados é um dia a menos na prisão (…) O segundo é que ele recebe uma remuneração, que não pode ser menor que um salário mínimo. Com parte desse dinheiro, ele vai ajudar a manter o sistema, pagando por hospedagem e alimentação, por exemplo – destacou.

Sobre o plano do governo para privatizar presídios, Martha Seillier explicou que a ideia inicial da proposta era reduzir o deficit de vagas em unidades prisionais.

– Ao longo do tempo e da modelagem, percebemos que dá para fazer uma política pública que gere renda, oportunidade e diminua o custo para o Estado – disse.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad