Número de macacos mortos por febre amarela chega a 70 em Jundiaí - Itupeva Agora

Agora

25 novembro, 2017

Número de macacos mortos por febre amarela chega a 70 em Jundiaí


Vigilância Epidemiológica reforça vacinação na cidade; dos 409 mil habitantes, 374,33 mil já estão imunizados, diz órgão. Não há casos de contaminação em humanos.

O número de macacos mortos por febre amarela subiu para 70 em Jundiaí (SP). A informação foi confirmada pela Vigilância Epidemiológica neste sábado (25). Segundo o órgão, não há casos da doença em humanos. Para evitar a contaminação, a campanha contra a doença continua na cidade. Até agora mais de 370 mil mil pessoas foram imunizadas em Jundiaí, diz a Vigilância. Após os primeiros registros de morte de primatas na região, há mais de dois meses, as cidades intensificaram a vacinação contra a doença.

Além dos 70 macacos mortos em Jundiaí - e outros 22 aguardam resultados -, foram registradas outras cinco mortes em Campo Limpo Paulista, 14 em Itatiba (SP) e dois em Jarinu (SP). Em Itatiba, dois casos foram registrados em humanos. Em um deles, o paciente morreu. De acordo com as divisões municipais de zoonoses, as mortes ocorreram nas áreas rurais, em bairros onde agentes fazem inclusive a vacinação de casa em casa.

Ação reforçada

Por conta da mortandade de macacos causada pela febre amarela, a campanha de vacinação em Jundiaí tem sido reforçada. Dos 409 mil habitantes, 374,33 mil já estão imunizados contra a febre amarela, segundo dados da Vigilância Epidemiológica, o que representa 91,5% da população. A meta é de 95% de imunização.

Em uma ação inusitada, alguns shows estão pedindo a apresentação do comprovante de vacinação. O caso ocorreu na apresentação da banda de rock Capital Inicial, no dia 17 de novembro, quando alguns fãs não conseguiram assistir ao show por falta do comprovante. Outro show na cidade que exige a vacinação do público é da banda de samba Raça Negra, marcado para 9 de dezembro.

De acordo com a Vigilância Epidemiológica, todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) continuam oferecendo as vacinas, no mínimo, 100 doses por dia. O atendimento para livre demanda, até 20h, será nas UBS Agapeama, Hortolândia e Tamoio. A UBS Novo Horizonte atende até 19h30.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad