SindServ: Falta de trabalhadores concursados compromete serviços a população Itupevense - Itupeva Agora

Agora

03 outubro, 2017

SindServ: Falta de trabalhadores concursados compromete serviços a população Itupevense



A seguinte Nota foi postada em Rede Social do Sindicato dos Servidores Públicos de Itupeva, disponível em: 
(https://www.facebook.com/photo.php?fbid=726896607508590&set=a.106874756177448.1073741828.100005647720132&type=3&theater)

Os servidores de Itupeva vivem um dos momentos mais desesperadores da história, diversos setores da prefeitura estão com falta de trabalhadores, sobrecarregando e adoecendo os poucos que estão em atividade afetando toda a população, pois áreas principais como saúde, educação e infraestrutura ficam desfalcadas causando sérios problemas para todos.

Temos por exemplo: os servidores da limpeza que contam com um contingente baixíssimo de trabalhadores, deixando de realizar uma assepsia mais apurada nas UBS, escolas, creches, etc., podendo assim causar problemas de saúde para toda população e consequentemente superlotando o hospital; sem contar também com o desenvolvimento social, que pela falta de profissionais deixam de atender as necessidades urgentes e termina dessa forma refletindo na segurança pública, que além de contar com um número menor de pessoal trabalhando sem condições de realizar completamente suas funções que dentre outras é garantir e zelar pela proteção das pessoas de nossa cidade.

A Saúde Pública, que passa por momentos difíceis e com denúncias graves nas mídias sociais e jornais, também são afetados por falta de profissionais como médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem. Vejam como o sistema público fica deficiente e todo município fica prejudicado.
Lutamos para que essa desigualdade seja suprida pelos atuais e futuros concursos públicos, o que é bom para o servidor e excelente para nossos munícipes.

Lutamos para que exista menos cargos comissionados sem qualificação técnica, onde o nepotismo e o clientelismo nos distancia dos princípios constitucionais, da impessoalidade, moralidade e eficiência na prestação dos serviços públicos

Fonte: SINDSERV

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad