Peça gay infantil não será levada para escolas de Jundiaí - Itupeva Agora

Agora

15 setembro, 2017

Peça gay infantil não será levada para escolas de Jundiaí


O prefeito de Jundiaí, Luiz Fernando Machado, disse que a peça infantil “A Princesa e a Costureira”, do relacionamento afetivo entre duas mulheres, não será levada para escolas municipais.

O espetáculo será apresentado na próxima segunda-feira, dia 18, no Complexo Fepasa, dentro da programação da 4ª Semana da Diversidade Sexual de Jundiaí. Grupos divulgaram na internet que o evento seria levado para as escolas e convocaram ações da sociedade.

O prefeito Luiz Fernando disse ao “Jornal da Região” que, como pai, esposo e prefeito respeita a família jundiaiense. Porém, não pode interferir em um evento externo, que não tem organização da Prefeitura. Ele garante que nada será apresentado nas escolas municipais.

Nas redes sociais e no site “Gospel Prime” foram lançadas campanhas para tentar impedir a apresentação do espetáculo baseado no livro da psicóloga Janaína Leslão.

A psicóloga disse em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo que o livro serve para mostrar às meninas que elas têm escolhas. Na sociedade atual as meninas é que são escolhidas e seu livro não visa definir tendências sexuais.

Os organizadores da Semana de Diversidade Sexual de Jundiaí dizem que o evento visa o respeito das pessoas, independente da orientação sexual.

Veja a nota do prefeito:

“Como prefeito de Jundiaí, acredito e sempre defenderei princípios que dizem respeito à família jundiaiense. Em relação à inclusão da peça “A princesa e a costureira” em eventos promovidos por uma ONG esta semana, cuja temática é contrária ao que eu sustento como pai, esposo e prefeito, quero aqui afirmar que não existe qualquer verba pública investida diretamente na realização desta atividade; e que não permitirei nenhuma distribuição de material em escolas de nossa rede municipal de ensino. Todas as peças de teatro e eventos devem obedecer à regulação de classificação por faixa etária. Em relação à outra encenação fora da nossa responsabilidade, não tenho como interferir. Conto com o bom senso dos pais e mães de família de Jundiaí.

Luiz Fernando Machado”


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad