Com lista de espera por vagas, creches em Cabreúva têm obras atrasadas - Itupeva Agora

Agora

Post Top Ad

03 agosto, 2017

Com lista de espera por vagas, creches em Cabreúva têm obras atrasadas


Três creches municipais de Cabreúva (SP) que poderiam desafogar a lista de espera por vagas ainda estão em obras. As unidades custaram milhares de reais e já deveriam ter sido entregues. Uma das creches fica no bairro Caí. Uma placa informa que o local passaria por uma reforma e adaptação, obra orçada em R$ 383 mil e que deveria ter terminado em agosto de 2016.
Segundo informações do site da prefeitura de Cabreúva, outra creche, no bairro Vilarejo, deve atender aproximadamente 150 crianças. No entanto, a placa no local informa que a obra era para ter terminado em março deste ano. Quarto meses depois e ainda tem gente trabalhando.
Outra creche que está em construção fica no distrito do Jacaré. Segundo informações da prefeitura, a creche, que está localizada no Pindorama, deveria ter sido entregue até a primeira quinzena de abril de 2016 e atenderia 150 crianças, de zero a 4 anos.

Lista de espera


A dona de casa Flávia Cristina da Silva fez a matrícula do filho e estava no número 40 da lista de espera. Três meses depois, passou para o número 38. Nesse ritmo, ela teria que esperar anos para conseguir a vaga

“Você faz um cadastro lá e pergunta: ‘tem filhos?’. Mas aí você não tem a disponibilidade de estar trabalhando dependendo de horário. É difícil", diz.
Segundo a prefeitura, a creche do Pindorama não funciona ainda porque houve um imprevisto na construção.
“Nós estamos em obras na parte externa e, infelizmente, tivemos um problema com o muro de uma escola estadual e tivemos que contratar, fazer uma nova licitação, para a parte externa. Estando pronto o muro, já passamos aí para a contratação dos profissionais. Já temos o concurso e será só contratar.”
O prefeito, Henrique Martins, também comentou sobre o prazo de entrega das obras citadas na reportagem.
“Fizemos uma lista com pelo menos 600 crianças. Nós estamos trabalhando para colocar as três creches a partir de janeiro em funcionamento. Uma depende de recursos do Governo Federal, então, deve demorar um pouco.”

Repasse do governo

Sobre o repasse de dinheiro do Governo Federal para as obras da creche da rua Quênia, citado pelo prefeito, o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação disse que foram repassados, em junho de 2014, quase R$ 380 mil e que as obras só começaram em setembro de 2016.
Além disso, para que o Governo Federal libere mais dinheiro, a prefeitura precisa atualizar no sistema do Ministério da Educação o andamento das obras com documentos e fotos.
Já segundo a Prefeitura de Cabreúva, o início da obra atrasou porque a construtora contratada em 2014 não cumpriu prazos. Por isso, foi feita a rescisão e uma nova empresa foi contratada depois de mudanças no projeto da construção que foram aprovadas pelo governo.
Em contrapartida do que disse o Governo Federal, a prefeitura alegou que atualiza o andamento das obras e que aguarda a avaliação e a liberação do dinheiro.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad