Sem crise em Itupeva: Wet'n Wild 'nada de braçadas' e fatura cerca R$ 40 milhões por ano - Itupeva Agora

Agora

25 junho, 2017

Sem crise em Itupeva: Wet'n Wild 'nada de braçadas' e fatura cerca R$ 40 milhões por ano


Complexo existe há 18 anos em Itupeva ao lado do Hopi Hari e registra 480 mil visitantes em apenas uma temporada. Setor em ascensão visa ainda investir em hotel e entretenimento noturno.

A imponência dos parques temáticos chama a atenção de quem passa às margens da rodovia dos Bandeirantes, em Itupeva, no interior de São Paulo. Mas enquanto a economia do Hopi Hari – atualmente fechado por uma série de dívidas – vive a queda sem fim como uma montanha-russa que luta para se reerguer, as águas do Wet'n Wild apontam um faturamento anual que beira R$ 40 milhões, o que faz os acionistas nadarem de braçadas ao lado do vizinho silencioso. Há 18 anos em Itupeva, a empresa mantém uma gestão confiante longe de ver o investimento no segmento aquático ir por água abaixo.

Os sócios da empresa são o Fundo de Investimento Serra azul e a Funcef. Ambos aproveitaram uma área de 160 mil m² para receber até 12 mil visitantes por dia, além de contar com 7 milhões de litros de água tratada em 25 atrações abertas durante todo o ano por conta de um investimento no aquecimento da água, que proporciona portas abertas em meses com frio intenso e atrai público.

“A empresa está sólida e muito bem estruturada, com índices financeiros saudáveis, apesar de toda a crise atual. De fato, teve um início difícil com as crises do final dos anos 90 e do início dos anos 2000, mas depois conseguiu se reestruturar em 2007 e continua crescendo de forma consistente e constante”, afirma o presidente, Alain Baldacci. A percepção da diretoria em 2007 reflete nos índices de visitantes a cada ano. De acordo com os registros, houve aumento entre 5% e 10%, com uma marca de 480 mil visitantes em apenas uma temporada.

Por conta da ascensão nos últimos anos, o Wet'n Wild revela que pretende construir um hotel de 330 unidades e desenvolver uma área para entretenimento noturno dentro do complexo.




Inovação



A primeira inauguração, ainda em 2007, fez 7 mil pessoas lotarem o parque em um único dia. Na época, conforme o presidente, o retorno do público motivou a tática especificada de um plano estratégico de inovação e divulgação. Confiantes com o público recorde, o parque investiu em equipamentos e uma série de melhorias tecnológicas, seguido da inauguração da “Hot Land”, uma ilha em um espaço de 2 mil metros quadrados importada do Canadá que concretizou uma nova fase: a abertura todos os meses do ano.

“Inovamos ao utilizar o aquecedor de biomassa a pellets de madeira (um combustível feito com serragem), considerada a melhor tecnologia ecológica, para esquentar a água usada no abastecimento das atrações. O projeto inédito fez do parque o primeiro empreendimento na América Latina a receber o queimador para aquecer quantidade tão volumosa de água a céu aberto”, explica Baldacci.
A aposta apresentou satisfação do público, porém, havia a manutenção das atrações e a criação de eventos para fidelizar visitantes. Em contrapartida, de 2007 e 2017 R$ 30 milhões foram aplicados na estrutura. O último brinquedo inaugurado, em 2014, foi o Vortex, atração também foi importada do Canadá com 24 metros de altura – equivalente a um prédio de seis andares.

Destino turístico




Atualmente, há no parque atrações aquáticas em meio a um espaço readequado para o lazer e a realização de eventos. Contudo, existem projetos para atrair desde famílias até excursões de escolas, como as “Noites Macabras”, realizadas há dois anos. O G1 visitou o parque no último domingo (28) e, apesar de ser um mês considerado de pouco movimento, houve quem reuniu família para conhecer o complexo aquático. É o caso do bancário Jonathas Ramalho, de Mogi das Cruzes (SP).

“É a primeira vez que eu vim com a família e a gente gostou muito. Sempre fomos para parques de diversão, mas aqui é a primeira vez. Todo mundo curtiu”, afirma o bancário.


Fonte: G1





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad