Mulher é detida com drogas e fone de ouvido no órgão genital em presídio de Jundiaí


Funcionárias do CDP identificaram um objeto estranho nas partes íntimas da visitante durante a revista.

Uma mulher foi detida com drogas e um fone de ouvido escondidos no órgão genital ao tentar fazer uma visita no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Jundiaí (SP) neste domingo (21). De acordo com a direçaõ da unidade, ela esteve no local para visitar o companheiro que está preso. Durante o procedimento de revista, as funcionárias do CDP identificaram um objeto estranho nas partes íntimas da visitante. A mulher negou, mas depois acabou confessando às agentes de segurança que trazia um pacote - de aproximadamente 10 centímetros - com drogas escondido. Ao todo, foram apreendidos 12 gramas de cocaína, 107 gramas de maconha e um fone de ouvido. A visitante foi conduzida ao plantão policial, onde foi registrado um boletim de ocorrência. Um procedimento investigatório interno foi aberto para apurar a cumplicidade do detento que receberia os entorpecentes.
Outro caso

Em Sorocaba (SP), uma jovem também foi detida durante uma visita ao Centro de Detenção Provisória (CDP) no fim de semana. Ela é irmã de um detento, de 21 anos, e foi flagrada levando maconha escondida no órgão genital. A jovem foi encaminhada à delegacia da zona norte e o detento - preso por tráfico de drogas - foi levado ao pavilhão disciplinar. Um procedimento administrativo para apurar as responsabilidades será instaurado.

Fonte: G1

0 comentários: