Salão de Artes de Itupeva consagra Luiz Viana pelo segundo ano seguido - Itupeva Agora

Agora

18 agosto, 2016

Salão de Artes de Itupeva consagra Luiz Viana pelo segundo ano seguido


Com mais de 70 obras, entre pinturas, esculturas, desenhos e fotografias, de 25 artistas, apresentação de orquestra, música instrumental foram os destaques da abertura da 8ª edição do Salão de Artes, que premiou pelo segundo ano consecutivo o trabalho a frente de seu tempo do artista Luiz Carlos Viana, vencedor da categoria pintura, na última sexta-feira, 12, realizado pela Prefeitura de Itupeva no Centro de Convivência do Idoso, CCI.

Reunindo, fomentando, promovendo e propagando as artes visuais o evento vem se firmando a cada edição, já tendo conquistado seu espaço no calendário municipal e um lugar no coração de quem gosta de artes plásticas. Com cerca de 100 pessoas em sua abertura, a 8ª edição do Salão de Artes reuniu a nata dos artistas plásticos da cidade, além de atores e músicos e contou com a apresentação da Orquestra Alpha & Ômega (da igreja Assembleia de Deus e regida pelo Maestro Marcos Assis) que executou os hinos: Nacional e de Itupeva, e o tema em referência abertura do seriado norte-americano 'Game of Trones'.

Para a Secretaria Municipal de Cultura e evento é mais um meio encontrado para privilegiar a produção cultural e artística da cidade: “Nós sempre procuramos novas formas para incentivar a produção (cultural) no município, e encontramos no Salão uma forma de prestigiar a arte feita em Itupeva e ao mesmo tempo incentivar outros artistas para que no próximo ano eles também exponham suas obras aqui.”. A Secretaria ainda destacou outros programas que ajudam a fomentar a cultura e a arte na cidade: “ Oferecer uma série de oficinas (realizadas diariamente na Casa da Cultura) e levar atividades culturais para os bairros por meio da Caravana da Cultura, serve de incentivo e afloram a vontade que o munícipe têm de participar da cena cultural e artística de Itupeva.”.


É muito gostoso você ver um Salão feito apenas para residentes em Itupeva, com essa qualidade de participação, eu fiquei sabendo de alguns artistas que já participam há muitos anos e se preocupam em renovar a própria linguagem. Parabéns a todos vocês de Itupeva, que realmente conseguem exercer a cidadania e reforçar a sua identidade por meio de arte e cultura e com crítica, com qualidade de pesquisa, a gente viu muitos trabalhos muito interessantes, alguns inclusive com uma linguagem bem contemporânea, que já vem para o Salão com uma maturidade técnica e de discurso estético muito legal”,destacou a curadora, Desirée Veiga, durante a abertura do evento. Ela também frisou a importância de iniciativas como o Salão para incentivar a cultura: “Queria agradecer a oportunidade de ser curadora e fazer parte do juri desse Salão. Tem uma coisa que comentamos com a Secretaria é a qualidade dessa iniciativa, a gente vem de uma cidade, por exemplo, Americana que tem mais que o dobro da população de Itupeva e nós não conseguimos perpetuar um Salão de Artes como o que acontece aqui. Estamos com o país em crise, o estado em crise e vocês tem uma Prefeitura que se preocupa com a cultura e com a promoção da arte em vários sentidos, a gente tem uma orquestra aqui, vocês tem várias aulas sendo oferecidas na Casa da Cultura”, completou.

Premiações

A qualidade e contemporaneidade da obra 'Viagem no Tempo” deu a pelo segundo ano consecutivo o prêmio da categoria mais disputada do Salão, pintura, ao artista Luiz Carlos Viana, que demonstrou com apenas um quadro exposto a força e maturidade de sua obra.

A obra passa a mensagem de que todos estamos vivendo uma grande viagem”, destacou Viana, que emocionado com a sua segunda premiação o artista disse que nunca passou por sua cabeça ganhar por duas vezes consecutivas: “Nunca imaginei que isso aconteceria, ganhar dois Salões era algo além do que eu sonhava, principalmente pelo nível que tem aqui (em Itupeva). Vou levar isso para o resto da minha vida, será um grande feito para mim, principalmente porque a cidade de Itupeva é o meu berço como artista”, completou Viana que pelo segundo ano voltou para casa com o prêmio de R$ 1.500.

O pintor Roberto Bonafé, figura carimbada do meio artístico itupevense e de outras edições do Salão, conseguiu ficar com o segundo lugar com a obra 'Parreiras do Morro Alto' e foi premiado com R$ 800,00. Fechando os 3 primeiros lugares veio Gerda Karin com 'Os Meninos'.

Premiada pelo conjunto da obra, Lindete Andrade surpreendeu a concorrência e foi a vencedora na categoria fotografia . Quem também surpreendeu foi Cláudia Simone (segunda colocada) com a obra 'Fogueira' e Maicuts ficou em terceiro com 'Verbos da Vida'.

Após tanto tentar, Irineu Fernandes levou a nata de seu trabalho para está edição e com 'Mãe Preta' levou para casa o prêmio do Desenho\Gravura, seguido de Bruno de França com “Carpa”.

Artista conhecido por sua obra dentro da pintura, Carlos Cal surpreendeu e conseguiu vencer pelo conjunto da obra a categoria escultura. 'São Francisco' de Ernani Luniipacci ficou em segundo e fechando os 3 primeiros veio Cal Douglas com 'Aras do Brasil'.

Aprovação desta edição

O trabalho aqui está muito bonito” destacou o munícipe Marcello Canelas, que teve nesta 8ª edição a oportunidade de pela primeira vez estar em uma exposição. “O evento leva cultura e arte para o povo, além do contato que estamos tendo com a produção artística e cultural da cidade”, frisou Canelas que durante o Salão de Artes foi somente elogios a uma obra em especifico 'A Tempestade' de Mônico Reis: “É de tirar o fôlego! Você de um ângulo e ela parece estar no chão, de outro ângulo ela parece estar voando.”.

Eu não esperava uma variedade tão grande de obras, como fotografia, escultura, desenho e pintura. Essa quantidade e variedade artística é bom para nós que conseguimos ter acesso a essas obras e para a cidade que tem uma diversidade artística”, disse Fábio Bertolini, que prestigiou a 8ª edição acompanhado de sua esposa, Katherine, divergiam sobre a qual seria a melhor obra exposta, enquanto Fábio estava encantado com a 'Mãe Preta' de Irineu Fernandes, Katherine preferiu a obra 'O Cão' de Helena Epifânio.

Venha participar

Assim como contou com a Curadoria especializada, o Salão conta desde 2013 com a Curadoria Popular, no qual o seu voto fará a diferença, o visitante que passar pela exposição poderá pegar uma ficha e votar na sua obra favorita, a vencedora ganhará R$ 500,00.

A exposição do Salão de Artes Plásticas se estende até o dia 31 deste mês, de segunda à sexta-feira, das 8h às 17h, no Centro de Convivência do Idoso, Rua Hermenegildo Baston, Tuiuti, e se estende até 31. Mais informações pelo telefone: 4591-8505.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad