Fotógrafo some e deixa noivos de Jundiaí sem álbum de casamento - Itupeva Agora

Agora

Post Top Ad

27 julho, 2016

Fotógrafo some e deixa noivos de Jundiaí sem álbum de casamento

Daniela conta que fotógrafo sumiu após casamento (Reprodução/TV TEM)
Noivos de Jundiaí, no interior de São Paulo, estão enfrentando diversos problemas com profissionais do ramo de casamentos na cidade. Depois que o dono de um buffet tradicional fugiu com o dinheiro de vários casais, agora um fotógrafo é alvo de uma série de reclamações na internet.
Daniela Alves foi uma das vítimas do fotógrafo. Ela fez a festa de casamento e quando procurou o profissional para escolher as melhores fotos, descobriu que ele não estava no endereço onde o contrato foi fechado. 
Somente em um site de reclamações, existem quase 20 queixas semelhantes contra o fotografo. Ainda segundo Daniela, o fotógrafo oferece diversas alternativas para o serviço para fechar o negócio. No dia, aparece na festa, mas não entrega nada. “Eu não tenho como mostrar isso [cerimônia do casamento] para ninguém. O que eu tenho na minha memória é alegria que eu estava”, lembra a assistente de qualidade.
Em 2015, a Justiça já havia condenado o fotógrafo a pagar R$ 6 mil de danos morais para uma cliente que havia contratado o serviço. Ainda segundo a decisão da 6ª Vara Cível de Jundiaí, ele também deveria entregar o álbum de fotografia de casamento da vítima, realizado em outubro de 2012.


Sem festa

Prédio de buffet foi encontrado vazio por clientes
(Foto: Reprodução/TV TEM)
"É como se um ente querido tivesse morrido em um acidente. Você fica sem chão, mergulha em uma espécie de luto. É isso. Estou de luto". Foi assim que a publicitária Taianie Cambuí Paredes, de 27 anos, descreveu ao G1 sua semana após descobrir que o dono do buffet onde ela realizaria sua festa de casamento em Jundiaí (SP) com o engenheiro civil José Roberto de Campos Costa Junior, de 26, em dezembro, fugiu com os R$ 27 mil que eles haviam pago à vista há sete meses.
O casal, que namora há quase sete anos e noivou no final de 2015, já havia ido a festas organizadas pelo buffet e optou pelo serviço de comida, decoração e salão do local após várias indicações de amigos.
Na última terça-feira (12), porém, Taianie viu o sonho de infância se transformar em pesadelo ao chegar na frente do estabelecimento e encontrar ao menos uma dezena de casais e carros da polícia à procura do dono do espaço.
"Havia lido alguma coisa sobre o sumiço do dono do buffet no final de semana e fui até lá com o Roberto [noivo] para conversar com o Alemão [dono do espaço]. Mas vi um monte de gente desesperada. Acho que a ficha ainda não caiu direito", desabafa.
O casal, assim como os outros, registrou um Boletim de Ocorrência (B.O.) contra o dono do buffet e o caso está sendo investigado pela Polícia Civil. Mas a noiva não tem esperança de reaver o dinheiro. "Não estou mais contando com essa quantia. Mas vamos superar. Se conseguirmos arrecadar mais do que estou pedindo, vou ajudar os outros casais", diz.

'Vaquinha' on-line



Taianie e o noivo, que são moradores de Várzea Paulista (SP), estavam economizando dinheiro há pelo menos cinco anos para realizar a cerimônia e comprar o apartamento deles sem precisar passar pelo que ela chama de "um sufoco financeiro no primeiro ano de casados". Por isso, os dois pagaram pelo serviço à vista, lembra a publicitária.

"O buffet era tradicional. Várias pessoas nos indicaram e elogiaram os serviços. Não entendo por que o Alemão [dono do negócio] sumiu com o nosso dinheiro", diz.
Ciente de que havia sido vítima de um golpe, a noiva contou com ajuda dos amigos da agência publicitária onde trabalha para tentar contornar a situação. Eles criaram uma página em um site para juntar dinheiro e realizar a tão sonhada festa de casamento.
Com apoio dos amigos e da família, porém, ela ainda tem esperança de que seus planos vão dar certo. "Preciso pensar de forma positiva. Vai acontecer como sempre sonhamos. Vai dar certo", finaliza.

Fonte: G1/TV TEM




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad